Página inicial > Glossário > mediação

mediação

domingo 17 de outubro de 2021

Mas, na trans-objetividade, em lugar de objetos, aparecem-nos símbolos, e sabemos que não fomos nós que os fizemos, que nem poderíamos fazê-los, à falta de um ingrediente que não está ao nosso alcance. Se a estes ainda se pode chamar de «objetos», não são eles o do sujeito que já não somos, mas só o dos que representamos: desses, o sujeito é um deus, qualquer dos deuses que trazem de além-horizonte da trans-objetividade, o «ser-origem», que, acrescido à «coisa», dela faz um «símbolo». O saber dos deuses, como os únicos e autênticos pontífices dos que, pontificando, construíram a ponte que o homem, na condição de se metamorfosear, atravessará, distraído de si e das coisas, é o saber de que ele, por recurso exclusivo ao intelecto e à vontade, ou à razão voluntariosa, nunca poderia vir a morar junto do Ser, da Fonte Inexaurível de Tudo, até do Nada que ele e as coisas são, e não deixam de ser, como «sujeitos das coisas». Trans-objetividade é, pois, mediação. Pelo menos, a mediação de que eu preciso e que não posso dispensar. Não se julgue, porém, que essa mediação tem nome desconhecido. Tem o nome conhecido de coisas que todos muito bem conhecem: Religião, Arte e Filosofia. [EudoroMito:145]


LÉXICO: mediação; mediador; mediato; medianidade