PhiloSophia

PHILO = Apreço + SOPHIA = Compreensão

Version imprimable de cet article Version imprimable

Accueil > Oriente > Karl Renz : o carrossel

Karl Renz : o carrossel

mardi 7 avril 2020

Bem-vindo ! Bem-vindo ao parque de diversões ! Posso ver, já estás sentado no carrossel ! Legal como estás dirigindo ! Tens um carro elegante, com um acelerador e um freio. Mas, acima de tudo, tens um volante, que podes girar, e é exatamente isso que estás fazendo ; embora, estranhamente, por mais que o gires, ou pises no acelerador ou pisoteies os freios, o carro continua na mesma direção.

É assim que o seu ’eu’ (o chamado ’ego’) funciona. Ele vira para a esquerda, vira para a direita e nunca fica totalmente satisfeito com o resultado. Ele pensa : "Vou dar uma olhada nos outros. Como eles estão dirigindo ? Como está aquele cara aí adiante ? Esse definitivamente está mudando seu peso mais na curva. Eu acho que vou tentar isso também". Mas nada muda. O carro continua girando e girando.

De vez em quando o carrossel para. Intervalo curto. Os tibetanos chamam isso de ’bardo’. Então procuras outro veículo. "Vamos tentar o cavalo. Vou andar um pouco. Talvez esse seja o meu destino !" Muito esperto da tua parte ! Ou talvez, para ser realmente sábio, uses a patinete pequena, porque toda essa direção o cansou e o deixou cheio de humildade.

Durante toda essa orientação, seu ego amadurece tremendamente. E se por acaso estavas mirando na mesma direção que o carrossel, então podes triunfar : “Uau, eu fiz isso muito bem ! Agora, acho que entendi ! " Agora descobriste como tudo isso funciona. “Eu tenho controle completo. Olhe aqui !" Estás em harmonia com o cosmos, em harmonia com a criação. Um ego que é tão coerente dirige na mesma direção que o carrossel está se movendo. “Olha, como eu posso dirigir ! Todo o carrossel se move porque eu estou dirigindo assim ! Aqui, olhe para mim !

Se dominas a arte dessa maneira incomparável, podes até dizer aos outros como eles devem dirigir. "É assim que deves fazer, como eu !"

Agora és um motorista totalmente desperto. "Siga-o !" exclamam alguns outros com entusiasmo. O melhor seria se pegasses o ônibus inteiro : “Suba aqui, pessoal e sente-se atrás de mim ! Eu sou? um com o carrossel !” Então és um guru.

Se quiseres te exercitar mais silenciosamente, é claro que podes assumir outros trabalhos importantes, como dirigir o carro de bombeiros ou a ambulância. Ou podes apenas seguir a ambulância, para estar do lado seguro !

Em tudo isso, é importante que mantenhas a visão geral. Que pressiones o pedal do acelerador no momento certo e freies no momento certo, e acima de tudo, dirijas com grande habilidade. Isso ajuda os outros. Dessa forma, não apenas manténs teu veículo perfeitamente no caminho, mas também contribuis para o passeio bem-sucedido de todo o carrossel ! Se todo mundo? dirigisse assim ! Tens tudo sob controle.

Até um dia, acidentalmente soltas o volante. Opa ! Agora estás surpreso. Também funciona por conta própria ! Essa coisa dirige por si só ! Exatamente, o Si mesmo está dirigindo. Não precisas te esforçar. Podes te recostar e desfrutar do teu Si mesmo. Ele sempre leva diretamente à felicidade.


Voir en ligne : Sitting Aboard Life’s Merry-Go-Round