Página inicial > Glossário > culpa

culpa

domingo 17 de outubro de 2021

VIDE: aitia; αίτιος, aitios: culpado, coupable (Tratado 53   12, 26). [Aubry  ]


Visto coletivamente, é o progresso da intelectualização, portanto o progresso da dúvida com seu consequente esvaziamento do conceito “realidade”, um processo histórico. Por sua própria natureza manifesta-se com precedência no [18] campo da filosofia, embora esteja acompanhado, surdamente, por desenvolvimento paralelo em todos os demais campos da situação humana.

A vinda do niilismo foi, portanto, adivinhada e prevista por filósofos antes de qualquer outra camada. A palavra “niilismo” foi amplamente utilizada, num sentido muito próximo do presente, por Nietzsche  . A busca de um novo senso de realidade no campo da filosofia não é, portanto, uma novidade. Não podemos, entretanto, afirmar que tem sido acompanhada até agora de um êxito retumbante. Surgiu, isto sim, uma nova maneira de filosofar, e novas categorias de pensamento. Foi introduzido o conceito “vontade” e o conceito aliado “vivência”, ambos de cunho anti-intelectual. A especulação filosófica deslocou-se para o campo da “ontologia” (sinônimo pudico da metafísica ostensivamente desprezada), fato que, por si só, prova a procura de uma nova realidade. Por outro lado, aprofundaram-se estudos lógicos, a ponto de invadir a lógica o campo da própria “ontologia”, fato que prova a preocupação da filosofia com uma nova interpretação do intelecto e sua função de produtor e destruidor de realidade. Entretanto, por revolucionários e criadores que sejam esses pensamentos, não chegaram a “convencer”, no sentido de provocar um novo senso de realidade, uma nova “fé”. Muito pelo contrário, contribuíram para o alastramento do niilismo, o qual pretenderam combater, já que eram intelectualizações, embora anti-intelectuais. A sua influência decisiva sobre a arte e a ciência (mais [19] especialmente a psicologia) era conduzida a uma derradeira intelectualização de camadas até agora não invadidas pelo intelecto. Talvez por terem sido destruidores da velha realidade, contribuíram para o surgimento da nova, pelo menos negativamente. [FlusserDuvida  :17-19]


LÉXICO: culpa