Página inicial > Antiguidade > Aubry: pathos

Aubry: pathos

quinta-feira 24 de março de 2022

"Os prazeres e as aflições, os temores e as audácias, os desejos e as aversões, e o sofrimento, a quem se deve atribuí-los?" (Enéada I, 1  , 1

Mesma enumeração das paixões primitivas e dos males da alma por exemplo no Tratado 6   e no Tratado 26  . Esta lista pode ser inspirada de Platão, República   IV 429d-430b; Fédão 66c e 83b; Timeu   42a-b e 69d; Filebo  , 47e; Leis   X, 897a. Ver também Aristóteles   De anima, I, 1  , 403a 7 e a17, 4, 408b 2; Retórica II, 1  , 1378a19. A classificação das paixões em quatro espécies principais (lype, phobos, peithymia, hedone) era um lugar comum nos estoicos. Se notará a utilização do plural e dos pares opostos, que sugere que as paixões são indissociáveis da multiplicidade e da instabilidade. É o sofrimento (designado por um infinitivo substantivado, to algein) que vem fechar a enumeração, como se nele se resumissem todas as outras paixões.