Página inicial > Antiguidade > Salmo CX

Salmo CX

terça-feira 29 de março de 2022

    

Mateus Soares
SALMO   CX

Benefícios de Deus  

Aleluia.

1 Louvar-te-ei, Senhor, com todo o meu coração  , no conselho e na assembleia   dos justos,

2 Grandes são as obras do Senhor ; proporcionadas a todas as suas vontades,

3 A sua obra é glória   e magnificência, e a sua justiça permanece pelos séculos dos séculos.

4 O Senhor instituiu um memorial   das suas maravilhas, ele que é misericordioso e compassivo.

5 Deu alimento   aos que o temem. Lembrar-se-á eternamente da sua aliança.

6 Manifestará ao seu povo o poder das suas obras,

7 dando-lhe a herança das nações.

As obras das suas mãos são verdade   e justiça.

8 Todos os seus mandamentos são imutáveis, confirmados em todos os séculos, fundados sobre a verdade e a iquidade.

9 Enviou a redenção ao seu povo ; estabeleceu para sempre a sua aliança. Santo e terrível é o seu nome,

10 O temor do Senhor é o princípio da sabedoria  . São sábios todos aqueles que procedem segundo este temor.

O seu louvor permanece para sempre.


André Chouraqui   111. As Obras de IHWH [1]

1 Hallelou-Yah [2]! Celebro IHWH de todo o coração [3] na intimidade [4] dos equitativos e da comunidade.

2 Grandes são as obras de IHWH, buscadas [5] por todos aqueles que as desejam.

3 Sua obra [6] é majestade, magnificência; sua justificação se ergue para sempre.

4 [7] Ele memoriza suas maravilhas [8], agraciador, matricial, IHWH!

5 Ele dá uma presa [9] a seus estremecidos; memoriza em perenidade   seu pacto.

6 [10] A força de sua obra, ele a relata à sua nação para lhe dar a posse dos povos [11].

7 As obras de suas mãos são verdade [12], julgamento  . Todas as suas sanções [13] são adesão [14],

8 [15] impostas para sempre, em perenidade, feitas com verdade e retidão  .

9 Ele envia a redenção [16] a seu povo, ordena seu pacto [17] em perenidade, seu nome, sagrado   de estremecer.

10 No-princípio [18] de sabedoria, estremecer de IHWH, a perspicácia do bem para todos os que o fazem. Seu louvor se eleva [19] para sempre [20].


Cristologia - Padres Jerônimo Obras de San Jerónimo, I, Obras Homiléticas, Biblioteca de Autores Cristianos (BAC), Madrid, 1999, 1.037 p., edición bilingüe promovida por la Orden de San Jerónimo, introducción general de Juan Bautista Valero, traducción, introducción y notas de Mónica Marcos Celestino ISBN 84-7914-403-3

Tradução de Antonio Carneiro da página 475

Tratado de S. Jerônimo sobre o Livro de Salmos. Serie Primeira

Salmo CX

Confiar-te-ei, Senhor, com todo meu coração ...(Sal 110,1). Se David não tivesse sido simples e carente de falsidade  , não teria dito "Confiar-te-ei, Senhor, com todo meu coração": não só com os lábios, mas sim com todo meu coração.

No conselho dos retos e na congregação grande é a obra do senhor (Sal 110,2). Diz-se "dos retos", aqueles que antes eram pecadores e agora são justos. Não é de se admirar que o elefante e o camelo, o mesmo que a mosca e o mosquito, tenham a mesma faculdade de movimento  , a mesma vida, os mesmos membros?

Proporcionou alimento àqueles que o temem (Sal 110,5). Manteve à Elias   em época de extrema fome; no deserto   fez chover maná para o povo judeu: cumpriu-se aquilo: "Proporcionou alimento àqueles que o temem". Tal explicação se atém ao pé-da-letra  . Mas, também nos proporcionou o pão que desce do céu (Jo 6,41) e com o qual, se somos dignos dele, nos alimentamos. Pois,quantos mártires pereceram de fome e agora se acham em companhia do Senhor ?

Santo e terrível é seu nome (Sal 110,9). Santo para os santos e terrível para os pecadores. Princípio da sabedoria é o temor do Senhor (Sal 110,10). Não há sabedoria naqueles que não sentem temor em relação   ao Senhor; ou aqueles que carecem de sabedoria tampouco tem temor.

Seu louvor permanece para sempre (Sal 110,10). Dado que o título do salmo é aleluia, com razão   se conclui com um louvor, pois aleluia significa Louvai o Senhor.



[1Admitido na gloria de IHWH, o Elohims que tomou todo o seu coração, o Salmista celebra quem o salva. Este salmo é alfabético, cada hemistíquio começando por uma letra do alfabeto; ele retoma o tema da intervenção de Elohims na natureza e na historia, já desenvolvido nos salmos 78, 105 e 106, e que reencontraremos no salmo 136. As letras do alfabeto se seguem à razão de duas em cada um dos versículos 1 a 8, e de três nos versículos 9 e 10. Os salmos alfabéticos são objeto de uma devoção especial dos fiéis em Israel, que vêem neles uma manifestação mais particular da sabedoria de IHWH.

[2Hallelou-Yah: Ver SI 104,35.

[3de todo o coração: Por tua redenção, meu coração é todo teu e está em ti.

[4intimidade, sod: A assembléia íntima dos iniciados à palavra de IHWH. IHWH cria o universo através de sua palavra. Assim, as letras que compõem o alfabeto são assim dotadas de força criadora, ensinarão os cabalistas, que privilegiam especialmente os salmos alfabéticos, aliás mais fáceis de conhecer de cor.

[5buscadas: O coração do poeta é habitado e fecundado pelo mistério da presença de IHWH, que não cessa de matriciar dentro dele.

[6Sua obra: Sua manifestação nos céus e na terra.

[7Após ter falado da grandeza de IHWH no seio da criação, o Salmista canta suas graças para Israël.

[8Ele memoriza suas maravilhas: Pois os milagres do Egito se renovam a cada geração para cada amante de IHWH.

[9uma presa, tereph: Palavra mais forte que "alimento", como geralmente é traduzida. IHWH se preocupa em alimentar seus amantes. Ele o faz por fidelidade a seu pacto.

[10A revelação precede a manifestação.

[11a posse dos povos: Dos que habitavam a terra de Kena’an.

[12verdade: O homem vive na ilusão e na mentira; somente IHWH (ou o homem que vive na luz) possui a plenitude da verdade e do julgamento com que ele marca todas as suas obras.

[13sanções, piqoudims: O termo é tomado aqui no sentido de "decisão".

[14adesão: A sua verdade, à sua justiça, à sua Torá. Elas emanam de seu ser para se dirigir à universalidade do real.

[15Verdade, retidão, justiça e amor exprimem o ser mesmo de IHWH, a essência de sua criação e de sua Torá.

[16a redenção: De todas as suas escravidões, a partir de sua saída de Misraims.

[17seu pacto: O do Sinai, que fez de Israel seu aliado para sempre.

[18No-princípio: A essência da sabedoria, ou seu ponto de partida, é deixar-se tomar por um estremecimento sagrado ao contemplar IHWH. Essa contemplação produz a perspicácia do bem, o poder de conhecê-lo e de fazê-lo (ver Pr 1,7; 9,10; 15,33). Ela permite submeter-se à Torá que leva à ordem do amor.

[19Seu louvor se eleva: Em nossos seres, em nossa boca, assim como no universo inteiro.

[20para sempre: Esse estremecimento sagrado que leva à sabedoria perfeita se transmitirá à sua posteridade espiritual; ele dará acesso à vida eterna e cantará a glória de Elohíms na Jerusalém revisitada.