Página inicial > Palavras-chave > Termos > pan / παν / πᾶν / πάντα / panta / πολύς / polus / πολλά / polla / πανταχοῦ / pantachou (...)

pan / παν / πᾶν / πάντα / panta / πολύς / polus / πολλά / polla / πανταχοῦ / pantachou / omnipresentia / plethos / πλῆθος / universo / plethos / πλήθω / pleno / pantelos / παντελῶς / absolutamente / completamente / holon / ὅλον / hólon / ὅλος / hólos / ὅλη / hólē / universum

gr. παν, pan: tudo, todas as coisas, o Todo. Latim: omnia. O conjunto das realidades sensíveis, o universo; v. hólon, kósmos. Gramaticalmente, pân é, em primeiro lugar, um adjetivo indefinido neutro (latim: omne) cujo masculino é pâs. A seguir esse neutro é substantivado para designar uma totalidade.


gr. ὅλον, hólon: Universo. Latim: Universum. O conjunto, a totalidade, v. pân, kósmos. Aristóteles dedica uma nota a esse termo no livro A da Metafísica (n. 26). O hólon é aquilo que constitui a unidade (hén) das coisas.
gr. πολλά, polla = todo, multiplicidade, múltiplo total. As ideias apreendidas como unidades que são, mas as múltiplas coisas sensíveis que nelas participam apreendidas como em processo de devir. hoi polloi = a multidão, o grande número.
gr. πλῆθος, plethos: pluralidade, múltiplo. Segundo Aristóteles (Meta. 1020a) uma pluralidade é aquilo que é potencialmente divisível em partes descontínuas (me syneches). Assim, uma definição possível de número (arithmos) é «um plethos com limite» (peras) (loc. cit.). Esta quantidade (poson) discreta e numerável que é o plethos contrasta assim com a quantidade contínua e mensurável que é magnitude (megethos).