Página inicial > Palavras-chave > Termos > hen / ἕν / uno / henosis / ἕνωσις / união / amplios hen / dois-um

hen / ἕν / uno / henosis / ἕνωσις / união / amplios hen / dois-um

gr. ἕν, hen = o um, o Uno. Em Plotino  , seguindo o Parmênides   de Platão  , a causa de todas as causas: nada se pode atribuir ao Uno, sendo por definição não-predicável. Não se pode nem mesmo dizer que o Uno "é", pois assim se atribuiria a ele o ser e o predicado "existência". A mais perfeita substância divina, ao mesmo tempo perfeita transcendência, constante atualidade e poder infinito de produção. (Gandillac  )


gr. ἕνωσις, henosis = união. O Tratado 8   das Enéadas   de Plotino  , que Porfírio   reterá como último na ordenação que impôs, ilumina — com o permanente bemol que representa a pequena palavra hoion — mais uma espécie de despossessão de si que uma integral manutenção da singularidade individual em uma íntima união ao Uno.
Le contemplatif n’est proprement « un » que dans la mesure où il échappe aux attraits de la vie active. Le sommet de la theoria n’implique pourtant fusion dépersonnalisante avec l’Un que si l’identité du sujet y est conservée, ce qu’affirme du moins Plotin   par l’« oxymore » d’un « deux-un » (amplios hen, VI, 9  , 10). [GandillacPlotin  :48]
Por fim, o Uno não é este (touto), nem aquele (ekeino), pois isso o particularizaria como um tí, isto é, como algo, deixando-se, assim, de parte todo o restante que o Uno é em si, na sua simplicidade absoluta, a qual representa a sua identidade. [Ullmann  :37]