Página inicial > Glossário > causalidade

causalidade

domingo 17 de outubro de 2021

Os seres marcham, eles evoluem; tal é o corolário do princípio inicial, da causalidade, que é a manifestação única da Perfeição, quer dizer, da vontade do céu. Podemos conceber que eles se detenham? Não, pois seria preciso, para causar este deter-se, supor uma vontade do céu contrária àquela que os mantém em movimento, e é anormalmente impossível que o céu manifeste dois princípios contrários um ao outro. E é assim que, do momento que o movimento é (e é uma coisa que, mesmo objetivamente, não se pode negar), o movimento será sempre, e que ele pode ser definido: a Manifestação Eterna da Perfeição. Assim o princípio de causalidade é satisfeito. Mas a fim de que não haja erro possível, um só instante, nos espíritos, digamos que não se deve confundir o Eterno Movimento com uma “criação eterna” ou com uma “passagem eterna na corrente das formas”. Determinaremos adiante o que é o Eterno Movimento e o Eterno Agir, mas seria verdadeiramente pueril pretender dar uma direção à Totalidade do movimento, ou um móbile à Totalidade das ações. E assim pode-se compreender já, antes mesmo da definição, a meta terminal aonde conduz o princípio da causalidade. [MatgioiVM  :64-65] (v. Wenwang)

LÉXICO: causalidade; causa