Página inicial > Glossário > projeto

projeto

domingo 17 de outubro de 2021

«Deuses nascem» pode dizer-se de outro modo: deuses vêm ao mundo (assim falamos nós de quem nasce); é uma aproximação do que ainda pode exprimir-se de outra maneira: deuses vêm, já sabemos de onde, a «lugar» em que haverá homem e mundo, onde eles darão forma a homem e mundo, mundo deste homem e homem deste mundo. O «deste» só dá a entender que há uma correlação entre homem e mundo, e essa correlação está no deus, e o deus, no vértice de um triângulo de complementaridade e de simbólico. Um deus que vem do Projeto é, por sua vez, projeto, e o projetado é mundo e homem peculiares, pela peculiaridade do projeto. Isto é mitologia, mas não «biografia dos deuses»; é biografia de homem e de mundo, antropografia e cosmografia, em que atos humanos e ações cósmicas se entrelaçam, se entretecem; e quem as entrelaça e entretece é um deus que se oculta no entrelaçado e entretecido atuar do homem e agir do mundo. Tudo isto já dissemos em diversos lugares, diversamente. Falta sempre o decidirmo-nos a dar o salto sobre o abismo que rodeamos, até nos investirmos da audácia para saltar dentro dele, sem medo das consequências. Caso é que só executamos variações sobre o tema da «cosmofania teocríptica». Que o impulso mítico, criador de mitos, constantemente vá até o ponto de se nos revelar em mitos, de onde os deuses parecem ausentes, abre as portas de acesso ao Mundo em que eles, não só parecem, mas estão efetivamente ausentes, Mundo em que eles ficaram de fora. Esta é a inevitável consequência de se afirmar e reafirmar que deuses ninguém viu nem vê senão nos múltiplos e variados dramas que homens representam em seus mundos. A conclusão é fácil de extrair: eliminemos, de uma vez, os deuses ocultos. Talvez, assim, mais claramente se veja o que homem e mundo são, e qual a correlação entre eles. O triângulo seria supérfluo; mas, envolveria de nada o tudo que a quase todos mais interessa. [EudoroMito:75]


The use of projection in perception is below connected with Iamblichus  . The effect is that the later Neoplatonists side with Plato  ’s decision in Theaetetus   186-7 to assign most of the work to reason and against Aristotle  ’s wish to expand the content of sense perception. But they defend Plato   by a theory of projecting recollected concepts of which Plato   himself never dreamed. [SorabjiPC1  :40]
LÉXICO: projeto; projeção