Página inicial > Glossário > saber

saber

domingo 17 de outubro de 2021

ὑποκείσθω δύο τὰ λόγον ἔχοντα (Ética a Nicômaco EN6  , 2; 1139a6): “o que se encontra na base é o fato de haver dois tipos fundamentais do λόγον ἔχον [logon echon]” (do ter linguagem). Esses são 1139a11ss:

1. Ο ἐπιστημονικόν [epistemonikon] (o que promove o saber): aquilo que pode conformar concomitantemente saber; aquele λόγος [logos] (discurso) que contribui concomitantemente para a formação do saber;

2. Ο λογιστικόν [logistikon] (o que promove a reflexão): aquilo que o βουλεύεσθαι [bouleuesthai] (deliberar), a consideração circunvisiva, a reflexão, pode concomitantemente conformar; aquele λόγος (discurso), que contribui concomitantemente para a formação da reflexão.

1. ἐπιστημονικοί 2. λογιστικόν
(o que promove o saber) (o que promove a reflexão)
ἐπιστήμη [episteme] e σοφία [sophia] τέχνη [techne] e φρόνησις [phronesis]
(ciência) e (sabedoria) (arte) e (circunvisão)

[...]

A distinção entre ο ἐπιστημονικόν (o que promove o saber) e ο λογιστικόν (o que promove a reflexão) é conquistada com vistas àquilo que é descoberto na interpelação discursiva e na discussão do ente; ele é conquistado a partir do próprio ente que é apropriado no ἀληθεύειν (desvelamento). Ο ἐπιστημονικόν (o que promove o saber) é aquilo, ᾧ θεωροῦμεν τὰ τοιαῦτα τῶν ὄντων ὅσων αἱ ἀρχαὶ μὴ ἐνδέχονται ἄλλως ἔχειν (a6ss.); ele é aquilo “com o que visamos intencionalmente ao ente, junto ao que as ἀρχαί (os princípios) não podem se comportar de uma outra forma”, o ente que possui o caráter do ἀίδιον (b23), do que é sempre. Ο λογιστικόν (o que promove a reflexão) é aquilo, ᾧ θεωροῦμεν, com o que visamos intencionalmente ao ente que [29] ἐνδεχόμενον ἄλλως ἔχειν (cf. 1140al), “que também pode ser diferente”. Esse é o ente, com o qual a τέχνη (arte) e a ϕρόνησις (circunvisão) lidam. A τέχνη (arte) lida com coisas que são primeiramente feitas, que ainda não são aquilo que serão. A φρόνησις (circunvisão) torna a situação acessível; as circunstâncias são sempre diversas em toda ação. Em contrapartida, ἐπιστήμη (saber) e σοφία (sabedoria) se lançam em direção àquilo que já sempre está presente, aquilo que não se produz primeiramente. [Heidegger  , GA19  :28-29]


LÉXICO: saber