PhiloSophia

PHILO = Apreço + SOPHIA = Compreensão

Version imprimable de cet article Version imprimable

Accueil > Oriente > Karl Renz : assim seja...

Karl Renz : assim seja...

samedi 22 février 2020

Enquanto se tem preferências, que céu é mais preferível que inferno, queres trabalhar por esta preferência, queres ficar no céu, mas porque queres ficar no céu, crias o inferno. Se preferes os momentos sem dor, por preferir momentos sem dor, crias momentos dolorosos. Tentando alcançar a verdade crias a ignorância?. Ambos vêm juntos. É estúpido ! Querendo ter conforto, crias desconforto. Mas o que podes fazer ? Esta é a tendência normal de toda existência?, o conforto ; mas a intenção pelo conforto confirma que há um em desconforto, que precisa de conforto. Uma estória sem fim ! A consciência? quer estar em conforto, mas porque a consciência quer estar no conforto de conhecer a si mesma, nunca vai conhecer a si mesma. Sempre em desconforto, sempre investigando, porque paz nunca pode ser alcançada, e a paz seria a natureza? do conforto, mas a paz não pode ser possuída ! Não pode ser conhecida ! Merda ! Então não confies na consciência. Ela nada pode entregar, nada pode oferecer.

Q : Por isso em minha resolução de Ano Novo, decidi por dane-se tudo. A dor nunca vai cessar, eu a terei sempre, então obrigado, bye bye... Desisto de pensar de sair disto...

K : Que possa ser conforme é, pronto !

Q : Isto, dane-se !

K : Dane-se não ! Apenas que possa ser conforme é.

Q : Certo, que possa ser conforme é.

K : Que mais ? De qualquer maneira é sempre conforme é ! Se gostas ou não.

Q : Claro que é !

K : Se gostas ou não. Nada te leva em conta. Então que seja conforme é. Pronto ! Ninguém te perguntou de maneira alguma.

Q : [Risos]


Voir en ligne : Karl Renz -Thailand 18-01-2013 2