PhiloSophia

PHILO = Apreço + SOPHIA = Compreensão

Version imprimable de cet article Version imprimable

Accueil > Oriente > Karl Renz : desconforto

Karl Renz : desconforto

dimanche 9 février 2020

Toda a humanidade está tentando consertar o desconforto. Ninguém tem sucesso. É como a meditação que parece consertar teu problema por uma hora mas em seguida o problema volta pior. Uma mosca zoando na parede te incomoda, ou qualquer pequeno ruído vai te irritar. Não há conserto. Serás perturbado para sempre. Até mesmo a existência é perturbação. Desde o momento que te tornas consciente que existes, estás perturbado. Já a consciência da existência é desconforto. O começo do desconforto e depois ele continua. O que acontece desde ali em diante é desconforto. Comparado com o conforto de não saber que és ou não, na ausência ausência
Abwesenheit
Abwesung
absence
ausência
apousia
ἀποὐσία
de qualquer pessoa que possa ser perturbada, a presença de alguém que possa ser perturbada já é perturbação. Fantástico ! Mas este é o modo que te realizas a ti mesmo, não podes escapar. Este é o inferno da realização. Não há saída ! Não pode ser parado, por mais que tentes uma saída.


Voir en ligne : Tailândia 2013