Página inicial > Medievo - Renascença > Eckhart (HN:2) – nobreza do homem interior

Eckhart (HN:2) – nobreza do homem interior

domingo 20 de março de 2022

      

A propósito da nobreza do homem   interior e espiritual e da vulgaridade do homem exterior   e carnal, os mestres pagãos Cícero   e Sêneca dizem do mesmo modo que nenhuma alma   racional está privada de Deus  . A semente   de Deus está em nós. Se encontrasse sempre um cultivador hábil e um jardineiro diligente  , cresceria muito bem e subiria até Deus, de quem é a semente, e igualmente seu fruto   se transformaria em uma natureza de Deus.

A semente de pera se torna pereira, e a de noz, nogueira: é a semente de Deus que se eleva até Deus! Porém se a semente encontra um semeador e um cultivador loucos e perversos, mistura-se com a erva daninha que encobre e asfixia a boa semente, a tal ponto que essa não pode ver a luz   nem madurar.

Porém um grande doutor, Orígenes, diz-nos: “Como foi o próprio Deus que semeou em nós essa semente, que a imprimiu em nós e a fez ingênita em nós, ela poderá ser coberta e escondida, porém nunca totalmente destruída nem atingida: segue brilhando e ardendo sem cessar, luzente e resplandecente, e sem cessar tende a elevar-se   até Deus”.


Ver online : MESTRE ECKHART – DO HOMEM NOBRE