Página inicial > Antiguidade > Ammonius: zoe

Ammonius: zoe

quinta-feira 24 de março de 2022

Extrato de Ammonius  , De adfinium vocabulorum differentia

Viver (bioun) e viver (zen) se diferenciam. Pois viver (bioun) se diz somente dos homens; viver (zen) dos homens e dos animais que carecem de logos e às vezes também das plantas. Pois se diz que a vida (zoe) é uso da alma [...]


A vida (bios) se distingue da vida (Zoe). A vida (bios) se refere aos animais que possuem logos, isto é, somente aos homens. A vida (zoe) aos homens e aos animais que carecem de logos. Daí que Aristóteles definiu a vida (bios) deste modo: "a vida (bios) é a vida (zoe) com logos". Por isso, designar a vida (bios) aos animais é falar sem sentido.