Página inicial > Oriente > Wei Wu Wei (PP:2.I) – O que espaço-tempo é? (I)

Wei Wu Wei (PP:2.I) – O que espaço-tempo é? (I)

sábado 27 de agosto de 2022

    

tradução

Podemos conceber infinitude, vagamente talvez, como espaço ilimitado, e intemporalidade como tempo ilimitado, ambos continuando «para sempre»; mas, por mais que se tente somos incapazes de conceber a ausência de espaço e a ausência de tempo, e não temos palavras para estas ausências conceituais.

O termo «eternidade  », talvez, denotaria uma ausência de duração a qual somos incapazes realmente de conceber, mas de fato sempre que usado meramente implica o oposto — «tempo sem fim». «Fora do espaço e do tempo" é uma expressão   vaga, de caráter poético, e «sem espaço» e «sem tempo» não tem nenhum significado que seja capaz de visualização.

É a ausência de um conceito para uma condição na qual nem espaço nem tempo existe que é significante, pois deve necessariamente implicar que a existência como tal é dependente do conceito de espaço-tempo. É, certamente, evidente   que este é o caso, posto que todo fenômeno deve ser estendido espacialmente e aparecer ter duração a fim de ser percebido, mas a ausência destes termos prova que temos de fato a conhecido sempre.

Original

We can conceive infinity, vaguely perhaps, as unlimited space, and intemporality as unlimited time, both continuing “forever”; but, try as we may, we are unable to conceive the absence of space and the absence of time, and we have no words for these conceptual absences.

The term “eternity,” perhaps, should denote an absence of duration which we are unable actually to conceive, but in fact whenever used it merely implies the opposite—“time without end.” “Outside space and time” is a vague expression, of poetical character, and “spaceless” and “timeless” have no significance that is capable of visualisation.

It is the absence of a concept for a condition in which neither space nor time exists that is significant, for it must necessarily imply that existence as such is dependent on the concept of space-time. It is, of course, evident that this is the case, since all phenomena must be extended spatially and appear to have duration in order to be perceived, but the absence of these terms proves that we have in fact always known it.

SEGUE: O que espaço-tempo é? (II)


Ver online : Wei Wu Wei – Posthumous Pieces