Página inicial > Antiguidade > Ullmann (Plotino:37) – Uno (hen) e Bem (agathon)

Ullmann (Plotino:37) – Uno (hen) e Bem (agathon)

sexta-feira 4 de fevereiro de 2022

      

O Uno   é o agathón para os outros, não para si, “porque estes (outros) necessitam dele” [En. VI, 7, 41, 29]. O Uno   não tem precisão de nada, pois é “o Super-Bem, e não Bem para si mesmo  , mas é Bem para os demais seres que podem ser partícipes desse Bem” [En. VI, 9, 6, 40-42]. [Ullmann  :37]


Em palavras fascinantes Plotino   descreve o Uno-Bem: ”Ele é a realidade   da qual todos os seres dependem, a qual todos desejam e que lhes constitui o princípio do qual necessitam. Ele, porém, não tem precisões e basta a si mesmo (...)” (En. I, 8, 2, 3-5). Isso significa que entre o Uno e os entes dele dependentes não existe relação   de dependência recíproca ou bilateral. Existe, sim. relação de dependência unilateral, isto é, dos efeitos com relação à causa  . [Ullmann:37]

Ver online : PLOTINO