Página inicial > Modernidade > Hume (IEH:225) – Disputas

Investigações sobre o entendimento humano e sobre os princípios da moral

Hume (IEH:225) – Disputas

Dos princípios gerais da moral

terça-feira 9 de novembro de 2021, por Cardoso de Castro

      

HUME  , David  . Investigações sobre o entendimento humano e sobre os princípios da moral. Tr. José Oscar de Almeida Marques. São Paulo  : Editora UNESP, 2004, p. 225

      

português

Disputas com homens que se aferram teimosamente a seus princípios são entre todas as mais tediosas, excetuando-se talvez aquelas com pessoas completamente   insinceras, que não acreditam de fato nas opiniões que defendem, mas envolvem-se na controvérsia por afetação, por um espírito   de oposição ou por um desejo de mostrar espirituosidade e inventividade superiores às do restante da humanidade. Em ambos os casos, é de esperar a mesma aderência cega aos próprios argumentos, o mesmo desprezo por seus antagonistas e a mesma veemência apaixonada em defender sofismas e falsidades. E como não é do raciocínio que nenhum desses contendores deriva suas doutrinas, é inútil esperar que qualquer lógica   — que não se dirige aos afetos — seja jamais capaz de levá-los a abraçar princípios mais sadios.

Original

DISPUTES with men, pertinaciously obstinate in their principles, are, of all others, the most irksome; except, perhaps, those with persons, entirely disingenuous, who really do not believe the opinions they defend, but engage in the controversy, from affectation, from a spirit of opposition, or from a desire of showing wit and ingenuity, superior to the rest of mankind. The same blind adherence to their own arguments is to be expected in both; the same contempt of their antagonists; and the same passionate vehemence, in inforcing sophistry and falsehood. And as reasoning is not the source, whence either disputant derives his tenets; it is in vain to expect, that any logic, which speaks not to the affections, will ever engage him to embrace sounder principles.


Ver online : Investigações sobre o entendimento humano e sobre os princípios da moral